Polícia Civil mira grupo suspeito de lucrar R$ 4 milhões com venda de drogas ‘gourmet’, no DF

Agentes cumprem 12 mandados de prisão e 25 de busca e apreensão na capital e em Goiás. Segundo investigadores, porção de 100 gramas chegava a ser vendida a R$ 5 mil.

A Polícia Civil do Distrito Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (15), uma operação que mira um grupo suspeito de comercializar drogas “gourmet”, ou seja, entorpecentes cultivados e preparados de forma especial e direcionados para jovens de classe média alta.

O grupo também batizava os entorpecentes de forma chamativa como “Ice Cream Cake”, “Eleven Roses” ou “Blue Mangoo”. Segundo os investigadores, as drogas são comercializadas a preços bem maiores que drogas comuns. Uma porção de 100 gramas, por exemplo, era vendida a R$ 5 mil.

Polícia Civil afirma que suspeitos teriam movimentado mais de R$ 4 milhões com o esquema. Os agentes cumprem 12 mandados de prisão e 25 de busca e apreensão no DF — na Asa Sul, Asa Norte, Guará, Águas Claras, Vicente Pires e Sobradinho — e em Goiânia, Goiás.

Durante as buscas, os agentes encontraram uma estufa com uma plantação de maconha e foram apreendidos veículos e várias porções de maconha e outras drogas. Também houve cumprimento de prisões em flagrante.

A Justiça também determinou a apreensão de bens dos investigados. Os alvos responderão pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro. Caso condenados, o grupo pode pegar até 35 anos de prisão.

Fases da operação

A Polícia Civil já deflagrou outras fases da investigação contra o grupo que abastece o Distrito Federal com drogas sintéticas:

  • Operação Tridente

Em 2019, a corporação realizou a maior apreensão de drogas sintéticas da capital: cerca de 9 mil compridos de ecstasy. Também foram cumpridos 50 mandados de busca domiciliar em Goiás, Minas Gerais e no DF.

  • Operação Posseidon

Um ano depois, em 2020, os alvos foram fornecedores de drogas apreendidas na operação anterior, residentes em Santa Catarina. Os agentes apreenderam uma grande quantidade de cocaína e cumpriram bloqueio de imóveis e valores em contas bancárias.

  • Operação Baco

Em 2021, os agentes cumpriram 23 mandados de busca, que resultaram na apreensão de ecstasy, maconha e haxixe, além de uma estufa para plantação de maconha.

Fonte: G1 DF

About equipemc

Check Also

Haddad quer união internacional para taxar super-ricos

Proposta foi defendida em reunião de ministros de Finanças do G20 O ministro da Fazenda, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *