Sessenta vigas são instaladas sobre o Viaduto de Sobradinho

Com investimento superior a R$ 34 milhões e geração de 200 empregos, a construção vai dar segurança e fluidez ao trânsito

Sessenta vigas longarinas metálicas de 17 toneladas cada uma começaram a ser instaladas nesta terça-feira (4) sobre a estrutura do Viaduto de Sobradinho.

A obra completa o pacote de melhorias viárias implementadas desde 2019 pelo GDF na Saída Norte de Brasília, dando continuidade ao Trevo de Triagem Norte, chamado de Complexo Viário Joaquim Roriz, e a ligação Torto e Colorado

Como um jogo de montar, elas foram erguidas por um guindaste e encaixadas de duas em duas sobre as quatro colunas de concreto já erguidas na construção, às margens da BR-020, na altura do Estádio Augustinho Lima e do acesso à Rota do Cavalo.

Ao todo são 15 vigas de 28 metros de comprimento em cada laje do viaduto, com distância média de 2,5 metros entre cada uma. Juntas, elas darão sustentação às lajes de concreto pré-moldado e, posteriormente, à pavimentação, por onde vão passar – na parte superior – os carros que seguirem nos dois sentidos entre a Saída Norte do Plano Piloto e Planaltina. Já sob a estrutura atravessarão os veículos que precisarem acessar diretamente a entrada de Sobradinho ou a DF-440, rumo à Rota do Cavalo, sem retenção no trânsito.

Ao todo são 15 vigas de 28 metros de comprimento em cada laje do viaduto, com distância média de 2,5 metros entre cada uma | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

“O viaduto elimina o ponto de entroncamento que travava o trânsito e deixava esperando e em insegurança quem precisava atravessar. Agora, não; em todos os sentidos, vai fluir”, afirma o presidente do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER), Fauzi Nacfur Júnior. Por lá circulam cerca de 60 mil veículos diariamente.

Com investimento de mais de R$ 34 milhões e geração de 200 empregos, a construção do Viaduto de Sobradinho já chegou a 80% de execução. A expectativa é que o viaduto vai dar segurança e fluidez ao trânsito quando ficar pronto. A previsão do DER, responsável pela obra, é que o trânsito sob e sobre a estrutura mista seja liberado ainda em 2022.

A obra completa o pacote de melhorias viárias implementadas desde 2019 pelo Governo do Distrito Federal (GDF) na Saída Norte de Brasília, dando continuidade ao Trevo de Triagem Norte, chamado de Complexo Viário Joaquim Roriz, e a ligação Torto e Colorado.

O contrato inclui serviços de terraplanagem, pavimentação, drenagem, sinalização horizontal e vertical, muro de terra armada, acessibilidade com ciclovia e urbanismo. Com a entrega do Viaduto de Sobradinho, será criada uma passagem para pedestres entre as pistas.

Fonte: Agência Brasília

About equipemc

Check Also

Brasil passa a exigir visto de turistas da Austrália, Canadá e dos EUA

Documento será exigido em fronteiras terrestres, portos e aeroportos Os cidadãos da Austrália, Canadá e …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *