Horário do desfile de 7 de setembro em Brasília

Depois de dois anos, a tradicional parada cívico-militar voltará a ser realizada na Esplanada dos Ministérios. A previsão é de que o ato comece às 9h e termine às 11h30. Os agrupamentos da das Forças Armadas, das escolas militares e de outros grupos da segurança pública marcarão presença no evento. Além disso, Esquadrilha da Fumaça, grupo formado por pilotos e mecânicos da Força Aérea Brasileira que fazem acrobacias aéreas, farão apresentações no local.

O secretário especial de Comunicação Social, André Costa  afirma que essa data deve ser comemorada. “Duzentos anos da nossa independência eu acho que é uma situação que realmente nós precisávamos comemorar de uma maneira bastante especial”, disse em entrevista ao programa A Voz do Brasil desta quarta-feira (31). Ainda segundo Costa cerca de 280 mil pessoas são esperadas. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), estima-se que 70% dos quartos de hotel estarão ocupados na capital brasileira no feriado.

A Esplanada será fechada a partir da alça leste da rodoviária do Plano Piloto até a via L4. Por conta do desfile, algumas mudanças no transito vão ocorrer a partir das 17h da terça-feira (06). As vias serão liberadas após o evento.

Bolsonaro estará no desfile de 7 de setembro em Brasília

O presidente tomou uma decisão polemica para as comemorações deste feriado. Bolsonaro convidou os oito empresários alvos da operação de busca e apreensão determinada por Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF) para subir ao palanque junto com ele nas comemorações. O chefe executivo do Brasil também convocou seus apoiadores para realizar atos na Esplanada no feriado. O ato está previsto para ocorrer às 13h, após o evento do 7 de setembro.

Este ano, as festividades em Brasília terão segurança reforçada. A Praça dos Três Poderes será inteiramente bloqueada, snipers e equipes antibombas estarão presentes, segundo informação da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal. Todos os locais da comemoração serão policiados. Caminhões e drones estão vetados da festividade.

Além disso, haverá uma revista para evitar que itens proibidos entrem no local. Quem estiver portando armas, drogas ilícitas, mastros de bandeiras, sprays etc não poderá participar do evento.

Desfile cívico em outras capitais

Jair Bolsonaro (PL) confirmou presença também no evento do Rio de Janeiro. O presidente vai a capital fluminense após os atos de Brasília. No RJ, o desfile tradicional foi cancelado, então, as comemorações ficarão concentradas na orla de Copacabana. Na festividade, estão previstos salto de paraquedistas, salvas de canhão, parada com navios militares, além da presença da Esquadrilha da Fumaça. Também haverá uma motociata organizada por apoiadores do presidente saindo do bairro Flamengo até a praia de Copacabana.

O chefe do executivo vai sair em campanha eleitoral pela cidade também, já que é candidato à reeleição no país.

Em São Paulo haverá um desfile cívico-militar em uma avenida próxima ao Museu Paulista, conhecido como Museu do Ipiranga. Haverá também uma encenação do grito de D. Pedro I, no Parque da Independência na capital paulista. Uma manifestação pró-Bolsonaro também está prevista para acontecer na Avenida Paulista às 10h.

Em Minas Gerais governador do estado, Romeu Zema (Novo), é presença confirma no ato cívico na capital mineira. Os desfiles das tropas de segurança ocorrerão em Belo Horizonte na Avenida Afonso Pena, a partir das 9h. Movimentos pró Bolsonaro também marcaram atos na capital na quarta (07).

Fonte: Jornal DCI

About equipemc

Check Also

Haddad quer união internacional para taxar super-ricos

Proposta foi defendida em reunião de ministros de Finanças do G20 O ministro da Fazenda, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *