segunda-feira , 21 setembro 2020
Home / Agenda Cultural / Exposição Orixás

Exposição Orixás

Com o objetivo de exaltar os símbolos sagrados das tradições religiosas das matrizes africanas, o Museu Nacional da República recebe a exposição Orixás: geometria, símbolos e cores até o dia 29 de Março. Não perca!
Data: 29 de Janeiro a 29 de Março de 2020, Todos os Dias
Hora: Segunda das 14h às 18h30 e de Terça a Domingo das 9h às 18h30
Local: Museu Nacional da República (Esplanada dos Ministérios)

Com o objetivo de exaltar os símbolos sagrados das tradições religiosas das matrizes africanas, o Museu Nacional da República recebe a exposição “Orixás: geometria, símbolos e cores”, do artista brasiliense Josafá Neves. A mostra que estreia na próxima terça-feira (28) e fica em cartaz até 29 de março reúne a simbologia e as cores que caracterizam a força mística de 16 orixás cultuados no Brasil.

A exposição, que provoca o olhar do público em relação à história da cultura afro-brasileira, surgiu a partir de uma ampla pesquisa do artista plástico brasiliense sobre a mitologia africana. Para a materialização das obras, Neres se inspirou nas influências artísticas dos traços geométricos e da simbologia de cores característicos das obras de Rubem Valentim.

Composta de esculturas, pinturas a óleo sobre tela e instalações, o trabalho do artista segue a linha da arte contemporânea, traduzindo a mitologia africana em uma narrativa poética, respeitando a representação emblemática das divindades que representam a cultura afro-brasileira no país.

Ingressos

  • Gratuito

*Valores dos ingressos sujeitos à alterações sem aviso prévio.

Mais Informações

  • Telefone: Não informado
  • Classificação: Livre

Sobre Minha Capital

Veja também

Governo concede registro para cubanos reintegrarem o Mais Médicos

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial O Ministério da Saúde publicou no Diário Oficial da …

Mercado financeiro prevê queda de 5,12% na economia este ano

Esta é a 14ª revisão consecutiva na projeção de queda do PIB O mercado financeiro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *