Campanha eleitoral começa oficialmente nesta terça-feira em clima polarizado; confira as agendas

Maioria dos candidatos cumpre programação em São Paulo enquanto o presidente participa de motociata em Juiz de Fora, em Minas Gerais; posse de Moraes no comando do TSE será prestigiada por quase todos.

Nesta terça-feira, 16, tem início o período oficial de campanha, quando os candidatos a cargos representativos, do legislativo ou do executivo, podem passar a divulgar seus números e a pedir voto aos eleitores. A disputa pela Presidência da República segue polarizada entre o presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), como apontam as pesquisas de intenção de votos feitas até este momento. Para dar a largada na campanha, Bolsonaro participa de uma motociata em Juiz de Fora, em Minas Gerais, às 11 horas desta terça. Em seguida, ele deve participar de um ato público, no qual deve discursar, no centro da cidade. Ele tem presença confirmada na cerimônia de posse do ministro Alexandre de Moraes à presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), às 19 horas. O ex-presidente Lula também deve marcar presença no evento de Moraes. Ciro Gomes (PDT) é o primeiro a ter agenda eleitoral, com uma caminhada em Guaianazes, em São Paulo, às 7 horas. Ele também irá ao evento do TSE. Simone Tebet (MDB) terá um encontro com nomes do setor cultural em São Paulo às 10 horas. Em seguida, às 12 horas, ela almoçará em um shopping da capital paulista. Tebet também deve estar presente na posse de Moraes como chefe da Justiça Eleitoral brasileira.

Leonardo Péricles (UP) inicia a campanha em Belo Horizonte, fazendo panfletagem na praça Sete de Setembro às 9 horas. Ao meio-dia, ele almoça em um restaurante popular da capital mineira e, à noite, participa de uma plenária de uma ocupação às 19 horas. Felipe D’avila (Novo) faz uma caminhada às 7 horas na zona sul de São Paulo. Vera Lúcia (PSTU) faz panfletagem às 8:30 no centro de São Paulo e visita uma fábrica na zona oeste da capital paulista à tarde. No começo da noite, Sofia Manzano (PCB) participa de ato público na Universidade de São Paulo (USP). Já Pablo Marçal (PROS) fará uma transmissão na internet às 20 horas, mas a candidatura dele é alvo de contestação dentro do próprio partido e, por isso, ele não está certo na disputa. Outros candidatos à Presidência da República não divulgaram agenda pública para esta terça.

*Com informações do repórter Victor Hugo Salina

Fonte: Jovem Pan

About equipemc

Check Also

Flávio Dino reitera compromisso de atuar com imparcialidade no STF

Ele chega ao Supremo aos 55 anos e pode permanecer por 20 anos O ministro …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *