33 deputados apresentam pedido de impeachment contra Lula

Grupo de congressistas de oposição diz haver crime de responsabilidade nas ofensas do presidente a Sergio Moro, críticas ao Banco Central e manter pessoas investigadas no governo.

Um grupo de 33 deputados apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) apresentou nesta 4ª feira (29.mar.2023) um pedido de impeachment contra Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Os deputados acusam o presidente dos seguintes crimes de responsabilidade: ameaça à autoridade do Legislativo; Lula disse querer “foder” o então juiz da Lava Jato Sergio Moro enquanto esteve preso; ataque às instituições de combate à corrupção; Lula disse que a operação que tentou matar autoridades, incluindo Moro, seria uma “armação” do senador; ingovernabilidade; os deputados alegam que o comportamento do presidente causa “instabilidade” ao país.

“O contexto geral de ameaça às autoridades, ataques às instituições e geração de um cenário de ingovernabilidade pelo atual Presidente da República causa instabilidade e coloca toda a nação e a sociedade brasileira em risco”, afirmam os autores em trecho do texto. Leia a lista dos 33 deputados que assinaram o pedido de impeachment:

  • Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PL);
  • Bibo Nunes (PL);
  • Capitão Alden (PL);
  • Delegado Ramagem (PL);
  • Amália Barros (PL);
  • André Fernandes (PL);
  • Bia Kicis (PL);
  • Carlos Jordy (PL);
  • Caroline Rodrigues de Toni (PL);
  • Chris Tonietto (PL);
  • Daniela Reinehr (PL);
  • Deltan Dallagnol (Podemos);
  • Delegado Éder Mauro (PL);
  • General Girão (PL);
  • Evair Vieira de Melo (PP);
  • Dr. Frederico; Cabo Gilberto Silva (PL);
  • Sargento Fahur (PSD); Gilson Marques Vieira (Novo);
  • Gilvan da Federal (PL);
  • Dr. Jaziel (PL);
  • Júlia Zanatta (PL);
  • Delegado Caveira (PL);
  • Tenente Coronel Zucco (Republicanos);
  • Luiz Lima; Marcel Van Hattem (Novo);
  • Zé Trovão (PL);
  • Maurício Marcon (Podemos);
  • Nikolas Ferreira (PL);
  • Coronel Telhada;
  • Professor Paulo Fernando (Republicanos)
  • Delegado Paulo Bilynskyj (PL);
  • Silvia Waiãpi (PL).

3º PEDIDO DE IMPEACHMENT

Lula já foi alvo de outros 2 pedidos de impeachment. O 1º  foi protocolado em 25 de janeiro pelo deputado Ubiratan Sanderson (PL-RS) e o 2º veio dois dias depois, em 27 de janeiro, pelo deputado Evair Melo (PP). Ambos diziam que o presidente cometeu crime de responsabilidade ao chamar o impeachment de Dilma Rousseff (PT) de “golpe de Estado”.

Fonte: Poder360

About equipemc

Check Also

Flávio Dino reitera compromisso de atuar com imparcialidade no STF

Ele chega ao Supremo aos 55 anos e pode permanecer por 20 anos O ministro …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *